11 dicas para cozinhar com crianças

11 dicas para cozinhar com crianças

A cozinha é um lugar maravilhoso para a aprendizagem, o crescimento e para se sentir parte importante da família. Afinal todos comemos e cozinhamos alguma coisa!
Por que é interessante cozinhar com nossos filhos?

  1. É uma atividade sensorial completa (tato, paladar, olfato, visão e audição estão ativados).
  2. Aprendemos a esperar, a fazer movimentos com a mão, com o pulso, com os dedos nos permitindo treinar habilidades motoras.
  3. Aprendemos questões de volume, de peso, questões matemáticas, de química e de física.
  4. É uma atividade que eles adoram fazer desde o ponto de vista da autonomia, da autoimagem e do sentimento de pertencimento.
  5. É uma atividade ideal e completa.

Em casa comecei a cozinhar com meu filho quando ele tinha 15 meses, mas foi tudo evoluindo no seu próprio interesse e no seu nível de competência. Começamos lavando espinafre e agora meu filho consegue preparar ovo com espinafre!
Isso tudo sem pressa, apenas observando a criança.
IMG_6858
Aqui vão algumas dicas para que cozinhar com os nossos filhos não seja uma missão impossível:

  1. Aceitar o fato que vamos sujar, que não vai ser perfeito, que a higiene não vai ser total (nem muito menos), que eles podem querer parar e que tudo isso faz parte da experiência.
  2. Não esperar muito para começar a cozinhar junto, sempre existe alguma atividade que eles poderão fazer (como lavar o espinafre) e quanto antes começarem mais fácil será depois.
  3. Aproveitar para introduzir normas simples: lavar a mão antes de começar, etc. Ritualizando esse momento com muito carinho.
  4. Colocar normas de segurança na cozinha: só o adulto coloca a panela, e explicar porquê. Quando abrimos o forno a criança pode colocar as mãos atrás (eu utilizo um banquinho que fica meio longe, mas ele consegue ver o que tem no forno, quando eu o abro ele se senta nele.).
  5. Começar com receitas simples e/ou tarefas curtas. Com 15 meses já podem lavar algum alimento, podem fazer transferências, misturar, e parte da receita poderão acompanhar cheirando, tocando e experimentando.
    As crianças não são observadoras passivas, aprendem tocando, mexendo, sentindo.
  6. Com as crianças menores evitar que estejam muito tempo em uma atividade para que não fiquem irritadas. Importantíssimo: quando elas não quiserem mais participar, permitam que elas saiam da atividade, obrigar a continuar não vai ajudar em nada.
  7. Preparar o ambiente. Tanto se seguimos o método Montessori em casa ou não, é fundamental, por segurança e porque permitiremos que tudo percorra de um jeito mais leve. Evitaremos crises colocando a criança em um lugar seguro e que tenha acesso ao que estamos fazendo para ela participar ativamente.
    Uma torre de aprendizagem ou um banquinho são investimentos que valem a pena.
  8. Utilizar ferramentas de cozinha adaptadas, para cozinhar daremos instrumentos de cozinha reais, que façam sua função, só que menores e mais seguros.
  9. Deixar prontos todos os ingredientes, em função do momento evolutivo da criança poderemos colocar a receita com desenhos ou escrita para elas pegarem a quantidade necessária.
  10. Narrar o que acontece: Desde o convite a participar da atividade até o final vamos contar o que fazemos, passo a passo, devagar, com silêncios para escutar, com as palavras certas para cada coisa. Possivelmente surgirão muitos nãos, porque a cozinha está cheia de normas, é inerente, mas podemos treinar a descrever o que acontece e oferecer soluções: “Se apertamos o ovo ele quebra e não conseguimos usar mais, vamos jogar no lixo e limpar aqui, pode ser?”
  11. Paciência, cozinhar com crianças pode ser uma delícia, tudo depende da expectativa, e com certeza é um exercício para os dois, pais e filhos. Para mim é um momento de muita conexão e também de aprender a observar com mais calma e menos expectativa.

cocina intrumentos

Ferramentas de cozinha adaptadas e seguras para usar com crianças pequenas


 
[author] [author_image timthumb=’on’]https://www.mariarozas.com.br/wp-content/uploads/10445444_10152897037726525_5165459260761147677_n.jpg[/author_image] [author_info]Maria Rozas, pedagoga e terapeuta transpessoal, especializada em maternidade e criação consciente. Quero ajudar você a se sentir plena e feliz, com você mesma e no relacionamento com seus filhos.[/author_info] [/author]

1 Comentário
  • Patrícia
    Postado às 10:27h, 12 setembro Responder

    onde a gente encontra esses utensílios para comprar? obrigada!

Deixe um comentário